A importância de instalar Wi-Fi corporativo no food service Eventos BaresSP 570x300 imagem
    banner_silver-seagers_300x250.jpg

    A importância de instalar Wi-Fi corporativo no food service

    Saiba qual melhor modelo para implantar em seu estabelecimento

    Por TP-Link | 02 de Junho 2020 - Publicado em 25 Junho 2019


    Nos últimos anos, a internet em estabelecimentos comerciais tornou-se algo essencial. A internet é usada para atrair e manter clientes e também como ferramenta de trabalho para os funcionários. Para atender a demanda crescente, empresas de WLAN como a TP-Link, desenvolveram linhas específicas para internet corporativa, voltadas para o food service. Entretanto é comum encontrar soluções de redes domésticas - como roteador Wi-Fi com repetidores - em lojas, restaurantes, bares, hotéis e escolas.  Um exemplo bem comum são bares e restaurantes que usam dois roteadores: um para o sistema de pedidos local e outro dedicado aos clientes.
     
    Afinal, por que devo usar equipamentos corporativos na rede no meu estabelecimento? Os equipamentos corporativos são dotados de uma série de tecnologias que podem influenciar o ambiente quando tem muitos dispositivos conectados simultaneamente. Algo muito recorrente em bares e restaurantes que recebem seus clientes e eles, na maioria das vezes, procuram o Wi-Fi do estabalecimento para acesso enquanto permanece no local.
     
    • Design: um access point corporativo possui design projetado para montagem em parede ou teto, e normalmente com o produto já acompanha o kit de instalação para fixação, permitindo uma instalação muito mais profissional e adequada.
     
    • Hardware: um equipamento corporativo possui maior capacidade de processamento e memória, além de hardware adequado para uma quantidade maior de usuários. Enquanto um roteador doméstico suporta algo em torno de 15 conexões simultâneas, (dependendo do modelo e fabricante), um número adequado para um ambiente doméstico. Já um access point corporativo, pode suportar algo em torno de 100 conexões simultâneas. 
     
    • Gerenciamento centralizado: com equipamentos corporativos, mais de 50 access points podem ser gerenciados de modo centralizado, sendo possível criar ou alterar qualquer parâmetro em todos os acess points de modo simultâneo ou até mesmo monitorar em tempo real o status de todos equipamentos e tráfego da rede. A TP-Link possui plataforma profissional baseada em servidor centralizado sem licenças ou appliance, dedicado com gerenciamento cloud.
     
    • Segurança: outro ponto fundamental é referente a segurança. Com um equipamento corporativo é possível usar diversos métodos de autenticação como captive portal onde é possível gerenciar cada credencial de modo individual. Segurança baseada em 802.1X e até mesmo métodos de acesso convenientes como Facebook Check In, possibilitando a promoção do estabelecimento. A TP-Link possui a autenticação via Facebook em toda sua linha Omada Dual Band.
     
    Além da autenticação, também é possível realizar a segmentação de tráfego em um mesmo equipamento. Por exemplo, pode se ter um SSID (nome da rede) para visitantes, e outro para a rede interna local, cada um atrelado a sua própria VLAN (segmento de rede) impossibilitando que os visitantes enxerguem o tráfego da rede interna. 
     
    Ambientes externos: atualmente é muito conveniente a utilização de Wi-Fi em ambientes externos. Mas, para este tipo de utilização é exigido um hardware específico para este tipo de ambiente, que suporte altas temperaturas, poeira e chuva. A TP-Link possui o modelo EAP225-Oudoor como solução de Wi-Fi externo. 
     
    PoE: outro ponto na implementação que pode ajudar muito é o Power Over Ethernet (PoE), que permite que energia e dados sejam levados ao equipamento no mesmo cabo, podendo ser alimentado através de um switch com portas PoE ou injetores PoE, evitando assim a necessidade de uma tomada de energia próxima ao lugar de instalação do access point, evitando custos com infraestrutura. 
     
    Para maiores informações, acesse tp-link

     

     
     
     

    Fornecedores do Food Service

     
    Silver Seagers GIN
    Pernod Ricard
    Rural Mac
    Paulaner
    Gin Theros
    Winterhalter
    BaresSP
    Stock
    Beefeater
    Alequipa
    LaSpaziale
    Vinícola Salton
    Acquamix
    Café Constantino
    Jura Jorney
    Absolut
    Tork
    Tecnoline do Brasil
    Fernandes Araújo e CIA Contabilidade Empresarial
    Flavors
    Artesian
    Vodka Icon
    Cloudged
    Bates Gin
    Paulistânia
    BUNN
    Black Princess
    Daiki Sake Seco
    Grupo Petrópolis
    Fullfit
    Kaly
    Cachaça Sobria
    Cannon Ball Rum
    Apogee Gin
    Nude.
    Best Whip
    Casa Flora
    Bat Brasil
    Enraizes
    Kawaii Gin
    Vorus
    Gin Arapuru
    Franco Bachot
    Santa Mônica
    Blend Express
    Italian Coffee
    Studio Cris Paola
    Astoria
    Madalena
    BeerSenses
     

    Tecnologias para Bares e Restaurantes
    +

     
     

    Tudo sobre Marketing para Bares e Restaurantes
    +

     
     

    Tudo sobre Bebidas
    +

     
     

    Tudo sobre Cafeterias, Cafés e Barista
    +

     
     

    Tudo sobre Gestão para Bares e Restaurantes
    +

     
     

    Tudo sobre Equipamentos para Bares e Restaurantes
    +

     
     

    Tudo sobre Delivery
    +

     
     

    Tudo sobre Leis para Bares e Restaurantes
    +

     

    BaresSP publicidade 980x90 bares


    topo